As “ilhas” da nossa vida!

Pessoal, profissional, empreendedora e organizacional!



Na nossa trajetória, em todas as áreas, vamos nos deparar com situações que, queiramos ou não, ficaremos isolados. 

Um trecho da Bíblia nos diz que se não fizermos como crianças não entraremos no reino dos céus. Acredito que o ensinamento, aqui, quer nos levar a abertura que uma criança tem para o aprendizado. Como poderemos aprender com as “ilhas” e porque essa comparação? Vale relembrarmos o que é, literalmente, uma ilha. 

Em geografia, é uma extensão de terra firme cercada de modo durável por água doce ou salgada em toda a sua periferia. Ainda pode ser aquilo que, por seu isolamento ou incomunicabilidade, se assemelha a uma ilha. https://languages.oup.com/google-dictionary-pt/ 

Quando um(a) filho(a) se casa, é aprovado(a) em um concurso, vai morar em outra cidade, etc. se torna uma ilha para os pais, irmãos, amigos e todos que se relacionavam diretamente, até então. Estas mudanças são ilhas positivas que podem ser visitadas, na maioria das vezes, com certa dose de celebração.

No entanto, existem as “ilhas” negativas que são situações em que o ser humano termina sendo levado por suas decisões, atitudes e ações, também, negativas ou mesmo de outros. Algumas dessas ilhas, também, podem ser visitadas, mas com uma dose de constrangimento e tristeza.

Vivemos um momento, que dificilmente a humanidade vai esquecer, semelhante a uma ilha: a pandemia. Este momento gerou a ilha chamada isolamento social.

Entre outras consequências o isolamento social, causado pela pandemia, nos condicionou ao uso de máscaras. Esta prática trouxe quatro (04) oportunidades que possivelmente passaram despercebidas, são elas:

Falarmos menos.

Ao estarmos com as nossas bocas tapadas pelas máscaras, tivemos a possibilidade de não cairmos naquela máxima que diz: quem muito fala, muito erra.

A Bíblia nos ensina que a palavra dita ao seu tempo é como maçãs de ouro em salvas (bandejas) de prata.

A nossa tendência é falarmos além do necessário, na hora inadequada.

Escutarmos mais

A maioria de nós já ouviu o dizer: falar é prata e o ouvir é ouro. Ouviu também: falou, falou e não disse nada. O uso excessivo da fala, além de ser desgastante atrapalha o uso dos outros sentidos.

Observarmos e enxergarmos melhor 

A boa observação, assim como o enxergar bem, é resultado de um bom foco. Um bom foco, na maioria das vezes, requer uma boa lente. Em se tratando de vida cotidiana, o que consideramos relevante para termos um bom foco e boa lente é um bom posicionamento combinado com uma boa postura.

Diminuirmos o “EU”

O ponto principal, sem qualquer sombra de dúvida, de nossa identidade e consequente identificação é a nossa face (cara/rosto). Ao estarmos de máscara, e aqui é literalmente falando, escondemos parte do nosso rosto.

Por usarmos máscaras de diversas apresentações (modelos/cores) não podemos ser identificados nem pela parte do nosso rosto, encoberta, nem pela máscara que usamos. 

Para muitas pessoas a “ilha” em que ela está é uma ilha, mesmo literalmente falando. Trago para finalizar a situação do Apóstolo João (o da Bíblia) que foi preso na ilha de Patmos.

Para nós Cristãos, aquela prisão (isolamento) tem uma importância incalculável. Ali, inspirado pelo Espírito Santo de Deus, ele escreveu o livro de Apocalipse.

Tudo tende a nos levar às “ilhas” (isolamentos). Por isso é necessário estarmos conscientes para não desperdiçarmos as oportunidades que as diversas “ilhas” podem nos proporcionar.

 


Osmar Marinho

Consultoria Empresarial

Iniciou no SEBRAE, como Técnico estagiário, em 1983, em seguida, atuou como Assistente de RH, Auditoria Interna, Administrativo de Vendas, Coordenador de Vendas, Coordenador de RH, Gerente Administrativo, Gerente Operacional, Consultor Técnico, Consultor de Administração, Consultor Empresarial. Escreveu e publicoui de forma independente os livros CHAMADO PARA VENCER e o 7 JOÃOZINHOS 7 MARIAZINHAS - TRANSFORMANDO ATITUDES EMPREENDEDORAS EM SUCESSO. Seu maior objetivo é cumprir seu juramento de honrar a sua profissão de administrador ajudando a transformar pessoas, empresas e a sociedade, deixando um legado digno de sempre se importar com todos, sem acepção. Linkledin: linkedin.com/in/osmar-marinho-de-santana-21493972




Rua Conceição de Monte Alegre, 107, Torre B - 10º andar
Conj. 101 B Cidade Monções
São Paulo, SP, 04563-060


2020 - Instituto Life Coaching