Cheguei ao topo. É muito bom!

Sucesso é transformação, pode acreditar.



O maior desafio humano, no meu modo de ver, é consegui subir ao topo em uma área e levar as demais, com sucesso, juntamente. 

Quantos conquistadores sacrificaram áreas de suas vidas por buscar o topo em uma determinada área?

Existem perdas que serão inevitáveis, mais nesse artigo vamos pontuar as transformações que devemos estar atentos para não chegarmos ao sucesso sacrificando o que poderia ter sido preservado.

A primeira coisa é sabermos o que necessitará ser transformado, ou será de uma forma ou de outra, nessa trajetória.

Com o advento da internet e das redes sociais e profissionais, tem surgido uma enormidade de possibilidades e tudo vem com uma fórmula, uma receita, um método, etc. Por um lado, isto não é ruim, mas por outro lado tende à dispersão.

Nas escaladas da vida, também, não é diferente. Querendo, ou não teremos que subir vários montes, simultaneamente. Estes montes que uns chamam de missão, de propósito, de meta, objetivo, desafio, compromisso, etc., enfim, de tantas coisas, pois o monte é de cada um e como um filho, põe o nome que quer.

Desde que nascemos que começamos a subir montes, como aprender a falar, a andar, a ler, a escrever, etc., coisas que não sabíamos que teríamos que aprendê-las e praticá-las. 

A cada monte que subimos, logo descobrimos que era só a preparação para um outro monte e, intuitivamente, fomos aprendendo, compreendendo, experimentando, etc., que a vida vai ser uma interminável sequência de montes e pelo andar da carruagem o topo será apenas mais um ponto de repartida.

Então, voltando aos montes do sucesso e sendo sucesso, transformação, tudo está dividido em áreas, que aqui serão as seguintes: Pessoal; Profissional; Empreendedora; e, Organizacional. 

 

Transformação Pessoal

Vamos estabelecer sucesso, aqui, como chegada ao topo. Para isto, no tocante à transformação pessoal, veremos dois fatores: Natural e Intencional.

 

Transformação Pessoal Natural

Como já referimos, haverá transformação que independente da nossa intenção ocorrerá. Falar, por exemplo, é uma transformação pessoal natural, acontece conforme a criança escuta os outros e é ensinada por aqueles que querem que a criança fale, normalmente, os pais.

A transformação natural, que, também, ocorrerá em outras áreas da vida, é muito importante, mas precisamos ter cuidado, pois em algumas situações precisaremos estar em ambientes que há práticas não saudáveis que devemos evitar aprendê-las. 

Assim como nosso pai e nossa mãe quis que falássemos e andássemos, o corrupto, quererá que pratiquemos a desonestidade, o adúltero, a infidelidade, o incompetente, a improdutividade, e assim por diante.

Outro cuidado, é vigiarmos a nossa resistência à mudança, que todos temos, para não desperdiçarmos as oportunidades de, naturalmente, sermos transformados naquilo que é bom, seja por soberba, orgulho, enfim, por qualquer uma de nossas vaidades enganosas.

 

Transformação Pessoal Intencional

Durante algum tempo de nossas vidas passamos por transformações em que a decisão era de outros. Quando fomos à escola, por exemplo, enquanto estávamos na idade infantil, foi por intenção de nossos pais.

Entretanto, chega um tempo que esta mesma transformação só vai acontecer por nossa intenção e, consequentemente, decisão. Quantos jovens não pararam de estudar quando os pais já não os comandavam?

As transformações intencionais vão ocorrer, ou não, em todas as áreas de nossas vidas. A nossa atenção é que nos ajudará a desenvolvermos intenções boas ou ruins. Quanto mais atenção destinarmos para o que bom, mais intenções boas poderemos desenvolver. O inverso, também, é uma possibilidade.

 

Transformação Profissional

Como dissemos, os fatores natural e intencional, também, ocorrem na transformação profissional, no entanto, aqui vamos considerar três níveis: Prático, Técnico e Cientifico. 

 

Transformação Profissional Prática

Há muitos profissionais atuando no mercado que aprenderam o seu oficio de forma prática. Alguém que já fazia aquele produto ou prestava determinado serviço ensinou o seu conhecimento de forma prática.

Em tudo, vamos precisar passar pela prática, mesmo quando se trata de desenvolver teorias, técnicas, teses, etc., há o lado prático. Ao escrever este artigo estive praticando o desenvolvimento de algo teórico.

Uma das atividades que costumo atuar, de forma voluntária, é a construção civil. É comum ouvirmos um pedreiro, que não teve uma formação técnica, pôr em cheque a competência de um encarregado que ele sabe que tem preparação técnica.

A prática, sem dúvida, determina a execução. Entretanto, a técnica torna essa execução mais qualificada. Uma deve ser amiga da outra e se complementarem produtiva e proveitosamente. 

 

Transformação Profissional Técnica

Uma pessoa pode dirigir um veículo, lecionar para uma turma, cozinhar muito bem, etc., sem uma formação técnica e até superar muitos profissionais formados, tecnicamente. 

Uma pessoa pode abrir uma empresa sem nenhuma formação técnica, de vendas, administrativa, de finanças, de relacionamento, etc., será intitulado empresário. Entretanto, para algumas atividades, terá que ter um técnico responsável na empresa que atue naquela especialidade.

Há muitas profissões que exigem formação técnica para o exercício das mesmas. Não podemos atribuir um juízo de valor comparativo quanto ao que tem a formação técnica e o que não tem.

O que queremos crer é que a formação técnica tem consigo a possibilidade de tornar a prática melhor, mesmo que possamos perceber o oposto em algumas situações.

Como já dissemos, frisamos, a técnica deve ser uma aliada relevante da prática e quando isso não estiver acontecendo é necessário corrigirmos a situação em questão.

 

Transformação Profissional Cientifica

Tanto o conhecimento prático, técnico quanto cientifico pode ser adquirido de forma autodidata, ou seja, sem que haja a necessidade de fazer um curso e adquirir um título.

Quando assim se procede, está sendo praticada a transformação. Alguém que não dominava determinada prática, técnica, ou ciência, passou a dominá-la.

Se um carro quebra em lugar deserto, por exemplo, a necessidade de reparo e retorno ao funcionamento não quer saber se quem vai proceder, esse reparo, tem um curso ou não. A necessidade ficará satisfeita se, e somente se, aquele carro voltar a funcionar.

O fato de alguém ter sido socorrido emergencialmente e isto ter sido satisfatório não elimina a necessidade humana de qualificação. Entretanto, sabemos que o conhecimento cientifico se baseia em experimentos comprovados em que a integridade humana deve ser preservada.

Todos necessitamos passar pelo ensino fundamental para ingressarmos no ensino técnico e pelo ensino técnico para ingressarmos no ensino cientifico (acadêmico). 

Acreditamos, que não é uma notícia muito animadora, para um paciente que se encontra na mesa de cirurgia, quando alguém lhe informa: O profissional que vai lhe operar, não é médico, ele apenas assistiu a algumas poucas cirurgias aqui no hospital.

 

Transformação Empreendedora

Empreender não é difícil. Entretanto, empreender com sucesso, é mais exigente. Exige transformação pessoal, profissional e organizacional, o que já é a transformação empreendedora.

Empreendedor ou empresário? Essa é uma pergunta muito comum no mundo dos negócios. Todo empresário poderá se considerar empreendedor, mas nem todo empreendedor poderá ser considerado empresário. 

Uma das habilidades principais de qualquer empreendedor, para mim, é a de vender seu produto ou serviço. Quantos negócios, hoje, não estão sofrendo e com eles seus gestores e as pessoas que dependem desses negócios por falta de quem, de fato, venda, satisfatoriamente, o que dispõem?

A outra habilidade, que para mim está entre as principais, é o atendimento, antes, durante e após a venda. Quantos negócios não fracassaram por não saber o poder transformador do atendimento de alta qualidade e o poder destruidor do mau atendimento?

Além de necessitar passar pela transformação da capacidade de vender, atender, gerir, entre outras, o empreendedor poderá ter a obrigatoriedade legal de se transformar de empreendedor informal para empreendedor formalizado.

Vivemos em uma sociedade em que constituímos pessoas para criar leis, aplica-las e fiscalizá-las e em função disso para tudo há leis que regem cada coisa.

O não cumprimento das exigências legais, em muitos casos, pode determinar o encerramento da atividade, desfazendo, assim, a iniciativa empreendedora e a atuação do empreendedor.

O empreendedor deve estar atento para se antecipar, quando possível, nas transformações, pessoal (natural e intencional), profissional (prática, técnica, cientifica) empreendedora, que vimos aqui e organizacional, que veremos no próximo tópico.

 

Transformação Organizacional

A grande realidade é que somos integrantes de alguns tipos de organizações, simultaneamente. A começar pela organização familiar. Em seguida, vem a organização educacional, a profissional, a empreendedora, a empresarial, a religiosa, entre outras.

Em cada uma dessas organizações deverão ser observadas e consideradas muitas transformações. Aqui vamos nos referi a transformação das pessoas, do ambiente e dos objetivos.

 

Transformação Organizacional das Pessoas

As pessoas são, ou deveriam ser, a principal razão das coisas. E exatamente o fato de muitas vezes não ser dessa forma é que desestabiliza, desestrutura, e, até mesmo, destrói as organizações.

As pessoas passam, ou necessitam passar, por diversos tipos de transformações e quando as organizações não conseguem observar, considerar, participar e, em alguns casos, patrocinar essas transformações, a tendência é o transtorno organizacional.

Se temos filhos que não querem mais se portar como tais, ou pais, na mesma condição, é desconcertante. Se temos alunos que não se interessam pelo ensino, ou professores e diretores, na mesma condição, é complicado.

Colaboradores desinteressados, empregadores injustos, etc. Todas essas coisas e muitas outras as quais as organizações estão sujeitas, geram desarmonia, desentendimento, conflitos, confrontos, etc. que corroem e afundam as organizações.

As pessoas têm necessidades de transformações físicas, emocionais, intelectuais e espirituais, além das que já tratamos, que precisam ser processadas de forma equilibrada para cada integrante dessas organizações.

Então, a estrutura organizacional precisa estabelecer meios de diagnosticar preventivamente as necessidades de transformações, para providenciar o atendimento dessas necessidades e assim manter a organização em constante e continuo crescimento e desenvolvimento.

 

Transformação Organizacional do Ambiente

Em harmonia com tudo que já foi mencionado precisamos dar uma atenção significativa à transformação do ambiente organizacional. São inúmeras transformações que as organizações necessitam processar. Aqui veremos três (03) ambientes que passam por transformações: Físico, relacional e tecnológico.

 

Físico

As transformações nas condições físicos-ambientais devem acompanhar a evolução das demais transformações. Quando há um descompasso nesse ponto os demais são afetados.

 

Relacional

O cuidado com evolução nas transformações relacionais nas organizações é crucial para o crescimento e desenvolvimento das mesmas. Negligenciar essa evolução pode custar a vida da organização.

 

Tecnológico 

Hoje, não é mais a questão de equipamentos, mas, tudo passa pelo tecnológico. A tecnologia está inserida em tudo nas organizações e o cuidado com as transformações do ambiente tecnológico, quer seja com relação aos equipamentos, as conexões ou as pessoas, é muito determinante.

 

Transformação Organizacional dos Objetivos

Aqui está o desafio extraordinariamente imperativo: PLANEJAR.

Quer seja de forma técnica ou prática, fazer um planejamento é sempre desafiador. Lidar com o desconhecido futuro e prover possíveis ações baseadas em informações projetadas não é para todas as organizações.

Começa que para projetar informações é preciso tê-las e para tê-las, de forma confiável, é necessário aplicar tempo, trabalho e investimentos que muitas vezes a organização não dispõe de condições.

Quando há condições de aplicar tempo, trabalho e investimentos, muitas vezes, a organização não acredita na relevância do planejamento. Por isso, trazemos este ponto para despertarmos as organizações para o quanto planejar tem feito a diferença na evolução das mesmas.

 

Uma pequena história real de transformação

Na realidade, comecei em casa. Fui assessor da minha Avó (Saudosa Irmã Matilde). Ela precisava ir ao médico em Salvador-Ba e nós morávamos em Feira de Santana-Ba.

Então, como ela enxergava pouco, eu viajava com ela para ler os letreiros dos ônibus. 

Assim, também, foi com minha mãe (Saudosa Irmã Joana). Ela vendia porta a porta, mas como tinha pouco estudo, eu ia com ela para anotar as vendas e os pagamentos. 

Depois comecei a dar assessoria na condução da casa dos meus pais, aqui era mais interessante, estava estudando magistério e como minhas duas irmãs maiores, que podiam fazer as coisas de casa, estudavam, eu fazia tudo em casa, inclusive a comida, comprava os alimentos, fazia a lista de compras e dava certinho.

O dinheiro que meu pai me dava era a conta certa. Vale lembrar que éramos dez (10) irmãos. 

Por necessidade, aos 15 anos, eu consegui um trabalho numa lanchonete, já que estudava à noite. 

Ali eu auxiliava uma moça a tomar e dar conta da lanchonete. Aconteceu que a moça saiu e eu passei a tomar conta sozinho.

Acabei o curso de magistério, passei no vestibular e fui cursar administração. 

Quando estava na metade do curso, passei num concurso no Sebrae e, oficialmente, fui ser um consultor/estagiário. 

Fiquei um ano e meio no Sebrae, não pude ser efetivado, pois não tinha concluído o curso, entre outras coisas que não vale a pena relembrar. 

Acabei o curso superior, mas já tinha entrado em uma empresa, onde atuei como Assistente de recursos humanos, de auditoria interna e de vendas.

Após ter trabalhado em mais duas empresas como coordenador de vendas e coordenador de recursos humanos, fui aprovado no processo seletivo do Banco Real, para ser Trainee de Gerente. 

De lá até aqui, já foram muitas empresas, como funcionário, como consultor e como empreendedor. 

 

Cheguei ao topo. Que maravilha! 

É maravilhoso, chegarmos ao topo de um monte. Principalmente, quando conseguimos, apesar das perdas inevitáveis, aprender, praticar e ver os frutos.

Hoje, pela manhã, quando programei escrever este artigo confesso que estava tudo em minha mente de forma desarrumada. 

Agora, no final deste dia, estou muito feliz. Acredito que consegui expressar o que desejava.

Quero dizer que esta é uma sinopse de minha nova coleção em mini volumes que se chama SUCESSO É TRANSFORMAÇÃO – Pessoal – Profissional – Empreendedora – Organizacional.   

 

Para finalizar quero deixar aqui meu texto mais lido no Linkedin:

 

Minha gratidão a Deus 

Não há como alcançarmos grandes superações se não enfrentarmos grandes desafios.

Não há como descobrirmos valiosos tesouros se não procurarmos nos mais profundos lugares.

Não há como vivermos as mais abundantes bonanças se não vencermos as mais difíceis tempestades.

Não há como escrevermos os mais lindos contos, poemas, frases, textos, etc. se não nos permitirmos experimentar, com esperança, as mais inesperadas, desagradáveis e inoportunas situações.

Não há como criarmos, implementarmos, desenvolvermos, etc. as mais impactantes realizações se não nos dispormos aos mais perigosos, incertos e espantadores riscos.

Não há como aplicarmos os valores da nossa alma se não submetermos os valores físicos, intelectuais e emocionais.

Não há como conhecermos e convivermos com Deus se não acreditarmos na sua existência.

Não há como crermos na existência de Deus se não acreditarmos em Jesus Cristo.

 

Obrigado a todos! E muito sucesso.


Osmar Marinho

Consultoria Empresarial

Iniciou no SEBRAE, como Técnico estagiário, em 1983, em seguida, atuou como Assistente de RH, Auditoria Interna, Administrativo de Vendas, Coordenador de Vendas, Coordenador de RH, Gerente Administrativo, Gerente Operacional, Consultor Técnico, Consultor de Administração, Consultor Empresarial. Escreveu e publicoui de forma independente os livros CHAMADO PARA VENCER e o 7 JOÃOZINHOS 7 MARIAZINHAS - TRANSFORMANDO ATITUDES EMPREENDEDORAS EM SUCESSO. Seu maior objetivo é cumprir seu juramento de honrar a sua profissão de administrador ajudando a transformar pessoas, empresas e a sociedade, deixando um legado digno de sempre se importar com todos, sem acepção. Linkledin: linkedin.com/in/osmar-marinho-de-santana-21493972




Rua Conceição de Monte Alegre, 107, Torre B - 10º andar
Conj. 101 B Cidade Monções
São Paulo, SP, 04563-060


2020 - Instituto Life Coaching