Remédios para emagrecer podem não funcionar sem conhecer a sua fome!

Entenda os diferentes tipos de apetite!



Existem dois tipos de apetite que regulam nossa ingestão alimentar. O apetite homeostático e o apetite hedônico. O apetite homeostático é o que entendemos como a fome real, fisiológica. Ele é regulado pelo sistema nervoso central, que adequa a ingesta alimentar às nossas necessidades calóricas. Assim, quando o organismo precisa de energia sentimos fome e quando está repleto de energia, saciedade.

Para isso funcionar o nosso cérebro recebe informações de diversos órgãos através de hormônios que sinalizam fome ou saciedade de acordo com nosso estoque de energia e nossa necessidade energética.

Já o apetite hedônico está relacionado a vontade de ingerir determinado alimento pelo prazer, através de um mecanismo de recompensa. Geralmente são alimentos palatáveis ou que acarretam alguma memória positiva ou relacionado a um hábito ou cultura.

Nosso ambiente hoje apresenta muitos produtos saborosos e geralmente calóricos e além disso muitas vezes comemos por hábitos sociais e culturais. Isso acaba atrapalhando nosso sistema homeostático e favorecendo o consumo além das nossas necessidades.

De acordo com a genética de cada um, essas vias cerebrais podem ter uma tendência a um desbalanço do “liking” (gostar) e do “wanting” (querer) favorecendo a obesidade e outros transtornos alimentares.

Isso explica porque as vezes utilizamos uma droga para tratar obesidade e não temos sucesso. A maioria das drogas para obesidade, agem bloqueando parte da via homeostática, o que chamamos de fome real. Mas acontece uma compensação e acabamos aumentando o apetite hedônico, e assim comendo mais por vontade, prazer, hábitos ou cultura. Assim é mantida a mesma ingestão calórica e falhamos na perda de peso!

Por isso quando tratamos a obesidade é tão importante a mudança dos hábitos e também um controle da ingestão alimentar, já que é provado que muitas vezes a quantidade que ingerimos e a que achamos que estamos ingerindo, são diferentes. Em casos mais refratários podemos usar associação de duas medicações quando indicado, para que cada uma haja em uma das vias. Estudos utilizando associações dessa forma tem mostrado ótimos resultados.

A regulação do apetite e do ganho de peso é muito complexa, mas cada vez estamos compreendendo mais.


Dra. Andrea R. C. Moreira

Endocrinologista

- Médica - Endocrinologista pelo Hospital da Beneficência Portuguesa de São Paulo - Complementação em Endocrinologia no Hospital das Clínicas da USP - Título de Especialista em Endocrinologia pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia - Residência de Clínica Médica no IAMSPE - Pós Graduação em Nutrologia - ABRAN Página Facebook: Dra. Andrea Moreira Consultório no Campo Belo Medical Center Av. Vereador José Diniz 3457 Conjunto 1411 São Paulo Contato: 1155311712 / 11995077071




Rua Conceição de Monte Alegre, 107, Torre B - 10º andar
Conj. 101 B Cidade Monções
São Paulo, SP, 04563-060


2020 - Instituto Life Coaching