Veja 7 sugestões para implantar a boa prática do feedback em sua empresa

A prática de dar feedbacks saudáveis é um fator crucial para o sucesso de uma empresa, podendo gerar até lucro, segundo um artigo redigido por Francisco Homem de Mello, CEO da Qulture.Rocks.



“O feedback é uma das atividades mais importantes de uma cultura de alta performance e, ao mesmo tempo, uma das tarefas não-naturais que precisamos aprender na vida corporativa”, afirma o executivo.

Pensando na influência de um bom feedback, Mello enumera alguns sugestões que, na visão dele, devem ser adotadas pelas empresas. Confira abaixo:

1. Autêntico
Seja autêntico no seu feedback e acredite no que você está falando. Utilize esse mecanismo visando trazer algum impacto positivo para seu funcionário, time ou empresa, e nunca para manipular os sentimentos de uma pessoa.

2. Bem-intencionado
A motivação de um feedback deve trazer algum impacto positivo para a vida do seu colega. Caso contrário, não o faça.

3. Impessoal na medida certa
O direcionamento do feedback deve ser nos comportamentos de uma pessoa, e não na pessoa em si. “Quando o foco está no comportamento, as pessoas se sentem menos atacadas, e tem uma tendência muito menor a entrarem em um comportamento de negação, ou de defensiva”, explica Mello.

4. No fórum certo
Quando for elogiar alguém, elogie em público, detalhando os motivos para o funcionário estar recebendo feedbacks positivos. Dessa forma, todos poderão ouvir o elogio e entenderão o que poderão replicar dali para frente.

Por outro lado, recomenda-se que os feedbacks de melhoria sejam feitos em particular. Assim, o funcionário não se sente exposto.

5. Personalizado
Personalize o feedback ao estilo do receptor. Cada um recebe a crítica de uma maneira, sendo algumas pessoas mais sensíveis do que outras. “Para cada uma, a forma de dar feedback deve ser diferente”, diz o CEO.

Entrevista com Apex Capital: fundamentalista, verdadeira e transparente

Garanta um método eficaz para gerar renda adicional periodicamente…

6. Direto ao ponto
Transmita a mensagem de forma clara levando em consideração os sentimentos do colega. Uma mensagem não objetiva pode confundir quem está recebendo o feedback.

7. Em conjunto
É bom expor os pontos errados ao receptor e ajudá-lo a construir seus próximos passos, pontuando o que poderia ter sido feito ou ser corrigido.

 

Por: Diana Cheng – Portal Money Times





Rua Conceição de Monte Alegre, 107, Torre B - 10º andar
Conj. 101 B Cidade Monções
São Paulo, SP, 04563-060


2020 - Instituto Life Coaching